• Carol

Yoga grátis!?

Eu sempre me senti inclinada ao yoga, mas nunca me senti inclinada a pagar R$ 300,00 por mês para ter aulas. Hoje vejo que compensa cada um real, mas também sei que não cabe no orçamento facilmente, então fui descobrindo algumas outras opções.


O Gabs sempre adorou acordar cedo de fim de semana q ir ao parque Ibirapuera, eu não sou tão matutina, mas quando ia com ele, via vários grupos praticando e fui pesquisar mais a fundo.


Foi quando encontrei a equipe do Yoga no Parque, fundado pelo professor Gerson Puccini (que é incrível e muito gente boa), eles são um grupo de professores que fazem um revezando para dar aulas totalmente gratuitas no parque Ibirapuera em SP.


As aulas acontecem todo Sábado as 08h00 no portão 07 – Serraria, é só levar seu tapetinho de yoga, ou caso não tenha, levar um toalha ou uma canga (recomendo uma toalha mais grossa pois eu pelo menos sofri muito no começo com a canga!).



Aula de yoga no Parque Ibirapuera. Fonte: Instagram @yoganoparquesp


Além de divulgar e tornar o yoga mais acessível eles ainda ajudam diversas ONGs, então pedem para quer puder, levar 1kg de alimento não perecível ou R$ 5,00.


Como existe um revezamento entre diversos professores que contribuem com o projeto, você vai encontrar práticas de Hatha, Vinyasa, Sivananda entre todas as outras vertentes, porém a maioria que fui eram das duas primeiras.


Depois de um tempo notei que surgiram outros grupos, muitos pagos, porém um grátis que é através do aplicativo MUDE.


Bem, de acordo com os próprios eles são:

“Estamos transformando cidades, instalando nossas estações de exercícios em áreas públicas, oferecendo aulas em grupo e usando tecnologia para deixar tudo inteligente.” “Baixe o App da MUDE e encontre as aulas da sua cidade! Yoga, HIIT, Crossfit, Treino Funcional, Corrida, Vôlei de Praia e mais.”

Eu claramente não perdi a oportunidade e testei. Baixei o app, fiz o pequeno e rápido cadastro e fiz a inscrição online.


As aulas aos Sábados tinham dois horários, as 09h00 e as 11h00, porém recomendo entrar novamente no aplicativo e ver a programação atual.


A prática é realizada no mesmo portão e fica bem lotada, acredito que pela acessibilidade, mas também pela música ao vivo que geralmente rola e é uma delícia.


Eu adorei! Também rola uma rotação entre professores, quando você se inscreve já consegue saber quem vai ser e qual tipo de yoga que vai encontrar.


Eu fico super feliz em saber que tem gente lutando para tornar o yoga como deve ser: ACESSÍVEL. Independente da condição financeira, altura, peso, crenças… o yoga é para todos e precisamos sempre apoiar essas iniciativas.


Com a pandemia do corona vírus, as aulas ficaram todas on hold, mas ambos os projetos estão com lives através do Instagram e do aplicativo, respectivamente.


Não tem como falar de yoga de graça sem falar nessa ferramenta maravilhosa que é a internet né?


Imagina bem na hora que tinha engatado de vez, me inscrito em um curso de Capacitação em Yoga de 225 horas, veio a pandemia e acabou com meu barato, então pesquisei bastante e achei duas professoras lindas que me ajudam sem saber na minha prática diária, além do professor Marcos Rojo que era com quem eu faria o curso acima.


O Marcos teve aulas diárias através de lives no Instagram, na qual ainda estão salvas e também disponíveis no seu canal do you tube.


Ai temos também a Pri Leite, o canal dela no you tube (Pri Leite Yoga) já está caminhando para o um milhão de inscritos e ela tem um jeito bem leve de conduzir, tendo aulas mais longas e bem curtinhas também para quem não tem tempo.


E por fim temos minha musa inspiradora, Milla Monteiro. Talvez por ela ser viajante, mochileira e por eu me relacionar com a sua história, faz com que eu seja realmente conectada com as aulas dela. Eu AMO todas as práticas que ela faz, tanto as mais fortes, as restauradoras, os exercícios de respiração e meditação.


Você tem a honra de acompanhar as aulas dela pelo Canal Off, na qual ela tem uma série chamada Respira e se inspira. Essa série também já está no you tube do canal.


Além disso, através do Instagram da Live! pode encontrar várias aulas no Igtv da página.


Além delas, tenho certeza que tem muitos canais incríveis e muitas oportunidades para quem quer praticar, mas espero que tenha ajudado pelo menos um pouco nessa busca.


Caso você nunca tenha experimentado, que tal fazer uma aula e ver como seu corpo responde?


Namastê!

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo